Skykeepers (Final Prophecy Series #3)

Skykeepers - Jessica Andersen Wow - mind-fuck. Another great book this was. I'm awed by Andersen's talent. One of the finest series I've had the opportunity to read, that's for sure. ***A primeira coisa que não gostei no raio do livro é o facto de a ligação dos Nightkeepers com os Gods, já não existir, pelo menos até este ponto. A chatice é que tinha ficado convencida que esse pormenor não tinha ficado completamente explícito e bem explicadinho - que é como eu gosto das coisas - no livro anterior, portanto tive a sensação de cair algo à paraquedas. Mas este livro foi um autêntico mind-fuck, perdoem-me a asneira. Não há outra palavra para explicar como me sinto. Do início ao fim, a autora sempre a bombardear de um lado e do outro com notícias ora sobre a origem da Sasha, ora a origem do Ambrose, ora a verdadeira natureza do menino Michael - sim, este menino é que me faria correr pela minha rica vidinha, a pensar "ala que se faz tarde". Ora as parvoíces em que o Rabbit se mete, que sinceramente, já deixaram de ter piada. E a maneira como eventualmente eles poderão sair disto tudo. Calma, mas afinal as maravilhas nunca acabam e a autora decide pôr na panela um Lucius a vaguear no Rio do escorpião sozinho e abandonado, coitado; o maluco do Iago a finalmente dar o ar da sua graça na totalidade e a decisão final do Michael... e vamos misturar isto tudo e o que é que sai? Qualquer coisa como saiu que me admirou nalgumas coisas, outras que já estava à espera, mas acima de tudo que foi um livro que à semelhança dos outros não permitiu que eu largasse o raio do livro. Este livro sim, continua a estar no mesmo nível em termos de romance e bla ,bla, blás... mas em termos de enredo, construção, organização e mais importante que tudo: suspense, está fenomenal. A autora consegue pôr os leitores ali a beijarem a mão à senhora e consegue pôr o dito cujo a suplicar por mais informações porque ela dá-nos uma mão e nós queremos é o braço. Com isto tudo, tomei a decisão metade racional, metade irracional de fazer uma pausa (durante 2 livros, pois está claro que mais que isso é totalmente inaceitável e ninguém aguenta uma ressaca por tanto tempo) de não saltar imediatamente para o Lucius. Se bem que ele bem chama por mim, nos meus sonhos, a toda a hora do dia! Estou a chegar, tem calma.