Devil May Cry - Sherrilyn Kenyon Acabei Devil May Cry. Gostei bastante.Adorei a Katra, o Sin. Adorei estar próxima do Acheron. Gosto dos livros em que ele tem muita participação. Adorei o final, por duas razões. Uau, eles vão ter um bebé, é sempre bom ver grandes personagens serem felizes!E a outra razão foi porque finalmente nem tudo corre 100% bem. Ali ficou uma ponta solta. Foi de certo modo mais realista este final.Claro que fiquei cheia de perguntas e tenho a sensação que esta saga está a começar a ficar overly populated. Percebem-me?! Não sei, é apenas a minha sensação. A autora está a pôr elementos novos praticamente a cada livro e não acaba nenhuma parte dos antigos.E agora vocês dizem-me "Ah, Filipa, mas ainda não viste nada!" :o Não me digam isso! Não é que eu esteja confusa com as novas informações, mas, bolas, tanta mistura é para as pessoas ficarem doidas.Enfim, apesar de tudo, foi uma mudança boa de tantos Daimons. Agora a luz da ribalta pertence a outros? Bem, enfim, lá terei que esperar para ver.Fiquei muito curiosa com Xypher, tanto que não vou resistir e vou lê-lo logo a seguir. (Já o comecei e tudo!)Espero acima de tudo que conforme formos avançando na saga, esta não se estraga. É que já vamos em quê? 20 e tal livros? E parece tudo tão em aberto como no início. Nenhuma saga pode durar para sempre. Bem, só não quero é perder a "magia" do mundo dos Dark-Hunter. Isso ia desiludir-me bastante.Como já disse, adorei a Kat. Adorei saber mais dela, conhece-la e gostei de ver que nem a cabr*da Artémis é insensível todos os dias.Ainda bem que finalmente ela e o Ash se conheceram. Até deitei uma lagrimazita. Foi mesmo muito bonito.E já não era sem tempo.Agora veremos como é o Xypher!